RSS

A vida por si me suporta

ouvindo: Rob Dougan- Clubbed To Death

Ano retrasado a voz do destino dizia - aproveite cada segundo, suas atitudes vão dizer por si e principalmente contenha seu medo.
O medo ela não teve por isso ocorreu a imensidão de problemas, as atitudes foram insanas e ao mesmo tempo com essência de inocência dentro dela. Ela não fez por mal, ela só se iludiu; apesar do proveito tirado por ela com uma pessoa mau intencionada ela aprendeu que com fogo não se mexe e principalmente se não há bombeiros como seu porto seguro para ajudar as chamas serem apagadas.
Tarde de mais.
A chama se alastrou pelo local todo, ela sofreu queimaduras de graus enormes, aguentou todas em cada ponto do corpo, aquele queimar; ela sentia corroer cada órgão dentro de si e principalmente o coração, onde nele havia sentimentos, pessoas, carinhos adotados, tudo junto, não havia raiva e também não era de pedra, era sensível e acabou se desfazendo com as chamas incandescentes.
Tudo que restou foi as cinzas onde seria o lugar exato para renascer depois de anos sendo levada para lá e para cá com a ventania, mas quando chegou a calmaria discreta chamando-a para reviver o que ainda não tinha sido vivido ela renasce daquelas cinzas, ela toma força, ela fica mais bela, todos os sentimentos queimados pelo coração renasce com uma água cristalina da nuvem pairando sobre ela, a nuvem não era totalmente branca mas deu um batizado para a revivescência que estava prestes a acontecer.

No primeiro passo, ninguém acreditava no que via; era ela a menina que mexeu com fogo, lutou, morreu por dentro, e agora que estava caminhando só não bastava ter ganho tudo o que perdeu, mas quis ter a dignidade de mostrar apenas o nobre, olhou nos olhos de cada um o que já era o suficiente para comprovar que cada individuo que a massacrou estava errado sobre seus conceitos.

p.s: a todos que participaram disso, desejo a felicidade que muitos quiseram me roubar e que tirar proveito de uma pessoa não leva ninguém a nada, ficar tomando conta de outra vida significa que você não está satisfeito consigo mesmo e quer tomar o que é do outro, pense... cada um tem a sua vida própria para cuidar

2 comentários:

tamara furlan disse...

me emocionei lendo isso guria, que texto mais lindo, de lindas palavras, de coragem, luta e sabedoria. AMEI. ps: eu adorei o ps " ficar tomando conta de outra vida significa que você não está satisfeito consigo mesmo"

sonhos de Carol disse...

Saudade...Tamara! :)

Postar um comentário